✨ #tbt da maravilhosa conquista de nossos estudantes no Desafio Nacional Acadêmico.



Como parte de atividades extraclasses do Instituto São José, os estudantes tiveram a oportunidade de participar do Desafio Nacional Acadêmico – DNA, no qual concorriam em torno de 400 equipes de todo o Brasil, e obtiveram em suas duas equipes, a 18ª e 25ª colocações no ranking.


Os estudantes foram divididos em duas equipes: a Antenada, ministrada pela professora Liziane Azevedo, conseguiu a 18ª colocação, enquanto a equipe Moscati, liderada pelo professor Igor Santos, conseguiu a 25ª posição do ranking.


No concurso, os estudantes responderam a mais de 100 desafios enigmáticos de matérias distintas, desafiando e exercitando seus múltiplos conhecimentos acadêmicos. Além disso, foram amplificadas as capacidades de comunicação, trabalho em equipe e sinergia entre os alunos.


Confira depoimentos de alguns dos alunos participantes:


“Durante os 110 desafios, a equipe teve vários momentos de diversão, alegria, concentração e até mesmo frustração por não achar alguma resposta ou coisa do tipo. Mas no geral, foi para mim um momento de muito aprendizado e sabedoria, pois a cada nova pergunta e a cada novo desafio nós éramos expostos a coisas que nunca imaginei que iria conhecer sobre, então, para mim, essa foi uma experiência excelente onde adquiri sabedorias diversas”.

Helena - 8° ano


“No início, eu pensava que o DNA era somente um concurso em grupo, mas, no decorrer dele, percebi que não é somente isso, e que era uma experiência incrível, pois nós iríamos conhecer outras pessoas, novas experiências, e não somente ficar pesquisando e pensando. Trabalhar em equipe é uma coisa que eu já não fazia há muito tempo e que eu sempre gostei de fazer, e no DNA tive a oportunidade de conviver com pessoas incríveis. Eu adorei estou esperando ansiosamente o ano que vem”.

Gustavo - 6º ano


“Achei que o DNA foi uma experiência muito interessante, nunca gostei muito de trabalhar em equipe e muito menos com pessoas que nunca tive contato antes, mas depois de terminar a 1ª etapa do DNA minhas opiniões mudaram muito, foi muito divertido e ao mesmo tempo desafiador e estou ansioso para o ano que vem”.

Dérick - 8º ano


“O DNA me mostrou que temos que ter muita persistência, pois assim chegaremos à conquista. Foi um momento de muita alegria, diversão, aprendizado e uma nova experiência. Gosto muito de trabalhar em grupo, mas dessa vez fiquei com medo, porque eram pessoas diferentes e que eu nunca tinha visto, e no final das contas foi uma experiência legal e com certeza eu faria novamente”.

Maria Clara - 7º ano


“Minha experiência com o DNA foi muito legal me diverti e achei que eu ganhei um conhecimento a mais”.

Miguel - 7º ano



Posts Em Destaque